O Desenho e a Madeira

A necessidade constante e a busca por inovações motivam o MoBu Atelier a estudar a madeira e suas funcões para empregar o melhor uso de acordo com suas características. Através de ideias, a procura pelo contato mais próximo do consumidor com o produto eleva a satisfação da propriedade dos móveis e objetos.

 
 
IMG_2421.PNG

Projetos “sur-mesure”

As peças desenhadas são trabalhadas diretamente com o cliente, buscando atingir a relação ideal entre funcionalidade, estética e durabilidade. O trabalho em conjunto permite que o cliente interaja com o Atelier desde os primeiros traços até a escolha da madeira. Em um trabalho semelhante ao de alfaiataria, a madeira é escolhida peça a peça, para que o resultado final seja exatamente o esperado.


O consumo da madeira

A vida de um móvel é a segunda vida de uma árvore. Através do consumo físico da madeira, o MoBu Atelier espera reaproximar a pessoa do móvel. As mesas + surgiram da ideia das antigas refeições italianas, onde a polenta era comida diretamente da superfície da mesa, sem o uso de condutores (pratos ou travessas).

O acabamento das mesas é feito inteiramente com azeite de oliva, permitindo que a madeira seja "consumível" - isto é - que a refeição possa ser compartilhada diretamente na mesa. O princípio condiciona côncavos no tampo, de forma que o azeite possa ser despejado, e usado como aditivo a uma refeição informal, que aproxime todos em uma celebração à madeira.

O óleo permeado na madeira cria uma camada impermeável, promovendo durabilidade e beleza no acabamento - e deixando a superfície da madeira 'food safe'.

_VIL0173.jpg

_MG_6970_1.jpg

"Não deixe a cachaça morrer"

Partindo da tradição do envelhecimento de cachaça em barris de madeira, depois de bastante estudo o MoBu Atelier desenvolveu um produto que executa o processo de uma forma autêntica. A garrafa de vidro transparente permite que o consumidor aprecie as mudanças do destilado conforme o tempo passar.

Com a tampa de madeira, o e=mc³ permite que o líquido execute uma reação química com o oxigênio transmitido pelos poros da madeira apenas, o que altera suas características - aroma, sabor e cor. A parte interna é infusa no líquido, permitindo o contato para que ocorram tais reações.

O resultado final é um produto simples e elegante, que permite ao consumidor personalizar sua bebida de preferência, deixando-a mais enriquecida e única, de acordo com a madeira utilizada.