Mobu na mídia

 
 
 
Foto | Eduardo Magalhães

Foto | Eduardo Magalhães

blog boobam | 34ª edição da Feira Paralela Design

Com o trabalho focado na conservação da madeira como material orgânico, o MoBu Atelier aposta em pesquisas e estudos para a melhor preservação das peças, assim como no uso exclusivo de produtos naturais não tóxicos nos acabamentos. Entre os objetos apresentados estão o centro de mesa Oliva, de imbuia com acabamento em azeite de oliva, e os pratos que fazem uso do óleo de nozes. “Queremos que as pessoas sintam e vivenciem a experiência do contato direto com a madeira. Os produtos remetem aos tempos em que as refeições na Itália eram feitas na mesa, sem pratos ou toalhas”, explica Gustavo Moreau, sócio ao lado de Fabio Bueno Santos e Gabriel Bueno.

 
 
 
Foto | Andrés Otero

Foto | Andrés Otero

revista casa e jardim | 16 LANÇAMENTOS DA FEIRA PARALELA DESIGN

Mesa +, de aço e garapeira com acabamento de azeite de oliva, permitindo que a refeição possa ser compartilhada diretamente na mesa, de Fabio Bueno Santos, Gabriel Bueno e Gustavo Moreau.

 
 
 
Foto | Reprodução/CASACOR

Foto | Reprodução/CASACOR

casacor | Designers se reúnem em coletivo durante a 33ª Paralela Design

Os designers Fabio Bueno Santos, Gabriel Bueno e Gustavo Moreau comandam o MoBu Atelier, que usa técnicas da marcenaria tradicional para criar mobiliário único e exclusivo.

 
 
 
Foto | Salvador Cordaro

Foto | Salvador Cordaro

E+ | Veja 50 lançamentos das feiras de design para renovar sua casa

Mesa de jantar lançada pelo MoBu Atelier; marca também lança mesinha lateral.

 
 
Foto | Salvador Cordaro

Foto | Salvador Cordaro

casa vogue | Paralela 2019: designers mostram as possibilidades da madeira

Com o intuito de deixar as criações cada vez mais artísticas e expositivas, no sentido de enaltecer a madeira como um material nobre, a Mobu apresenta peças esculturais e práticas para o dia a dia. Caso do novo banco Marítimo, feito apenas de encaixe de peças de madeira, que são tensionadas pelos nós de marinheiro que formam o assento. A tensão do algodão cru garante estabilidade para a peça. Com dois lugares, o banco pode ser personalizado de acordo com o gosto e necessidade do cliente - são 22 opções de madeira.

 
 
 
Foto | Eduardo Magalhães

Foto | Eduardo Magalhães

blog boobam | Paralela: os destaques da feira de design em São Paulo

A marca MoBu Atelier traz o envelhecedor de cachaça, que funciona muito bem como objeto decorativo, e uma nova versão do banco Marítimo, cujos encaixes são feitos apenas com o encontro da madeira e o encordoamento dos fios do assento, desenvolvido com nós de marinheiro – daí a inspiração para o nome.

 
 
 
Foto | Leonardo Raposo

Foto | Leonardo Raposo

blog vila madalena | ROLÊ ARTÍSTICO

Na Rua Medeiros de Albuquerque 188, é possível ter noção de marcenaria, com aulinhas no MoBu Atelier.

 
 
 
Foto | Andrés Otero/Divulgação

Foto | Andrés Otero/Divulgação

VEJA SP | NATAL: UMA VOLTA POR SÃO PAULO EM 112 PRESENTES

Nosso guia natalino traz sugestões de produtos inspiradas em dez perfis de paulistanos característicos de bairros da cidade.

 
 
 
Foto | Andrés Otero/Divulgação

Foto | Andrés Otero/Divulgação

Archtrends | Projeto, pesquisa, propósito

Interessado em investigar propriedades que aproximam o usuário da madeira, o Atelier Mobu criou o e = MC³, uma versão original de um barril de envelhecimento de cachaça. Em forma de infusor, a tampa porosa de madeira provoca por meio da troca com o ar reações químicas no líquido, um processo cujo tempo é controlado pelo usuário; “a garrafa de vidro transparente permite que o consumidor aprecie as mudanças do destilado conforme o tempo passar”. Cada espécie utilizada, como carvalho e jequitibá, gera uma coloração, aroma e sabor.