Banco Francisco

Dentre os princípios Franciscanos, o mais importante é a simplicidade. Foi baseado nisso que o Banco Francisco foi concebido. Seu assento em madeira é sustentado em uma estrutura de aço e preso por duas tiras de couro.

Os poucos componentes integram uma solução elementar para o mobiliário: o uso de couro cru e madeira sustentável explicitam o respeito e assimilação ao ambiente, não mais em âmbito exclusivamente religioso, mas incorporando os espaços públicos e domésticos. Sua função empilhável expõe essa intenção agregadora de espaços da peça, que também pode ser utilizada como mesa lateral.